“Olá, e tu quem és?”:

Olá, eu sou o Saul, sou um rapaz de 25 anos*, com algumas ambições.

“O que há a dizer sobre uma pessoa como tu?”:

Para uns pouco, para outros muito…para mim? Algo!

Sou escuteiro há 15 anos*, no Agrupamento 1215 Tavarede, e, além do nascimento da minha irmã, esta foi uma das melhores coisas que me puderam acontecer na vida. Existe, a acrescentar a este último, um outro marco importante, na minha vida, o facto de me ter voltado a aproximar de um amigo especial – do, como gosto de Lhe chamar “Gajo lá de cima!”

Estou, neste momento, a frequentar um estágio profissional na minha área de formação, focado no audiovisual.*

Gosto de ouvir música, de cantar e desabafar para o papel. Raramente nego um conselho ou uma palavra, àquele(a) que ma pede.

“Como te defines?”:

Qualidades? Defeitos? Todos nós os temos, mas penso que as pessoas que me conhecem é que os podem apontar, de uma maneira mais correcta. Assim, dizem aqueles que me conhecem, que sou, essencialmente, teimoso e leal. Se tivesse de escolher duas palavras para me definir seriam estranho e complexo!

“O porquê de escrever?”:

Comecei a escrever, em 2006, por conselho de uma amiga minha, que me disse:

“Porque não experimentas escrever? Estou certa de que te vais sair bem!”

A minha resposta foi muito simples:

“Tu és tola, eu? Escrever?”

No entanto, aquela ideia tinha-me ficado na cabeça e, já diz o velho dito português, “Elas não matam, mas moem”. Decidi então arriscar e ver o que dali saia…

Confesso que não gostei, e isso motivou-me a tentar mais uma vez, e outra, e outra, até que, finalmente me apercebi, que poderia explorar ali uma nova “utilidade” para a minha pessoa! Descobri que as minhas funções, enquanto pessoa que recolhe alguns textos que me marcaram, por alguma razão, e que escreve eram muito simples:

  • Desejar aos amigos, às amigas, às pessoas por quem nutro um carinho especial, boa noite;
  • Desejar-lhes os parabéns de uma maneira não tão trivial;
  • E, a principal das funções, fazer pensar os leitores destas mensagens.

“O porquê deste blog?”:

Decidi, finalmente, criar um espaço onde postar todos os textos, a uma maior comunidade, expôr-me à crítica, partilhar esta experiência. Afinal, todos podem escrever, basta querer e acreditar!

Uma outra razão para este blog, é compilar os textos que gostaria de, futuramente, publicar em livro, visto ser um sonho meu, escrever um livro. Talvez numa pequena tiragem, mas gostava de o fazer, de ser capaz!

“Mais alguma coisa a acrescentar Saul?”:

Sim, espero que sejam sinceros nas opiniões e comentários que escrevam, ajudando-me assim a melhorar.

Que este blog vos possa fazer pensar, reflectir e meditar – porque este é o verdadeiro objectivo dele. E, acreditem ou não, até a mim ele me faz pensar…

Já agora, este espaço terá sempre textos redigidos com o Acordo Ortográfico antigo*

Saul Vitorino, 03 de Março de 2009 (*Actualizado a 19 de Julho de 2015)

3 thoughts on “Sobre Mim

  1. Boa noite rapaz… Estou muito contente por saber que finalmente conseguiste dar este passo que eu sabia que tu tanto gostavas de fazer. Publicar os teus textos, é como tu dizes, uma maneira de te expores à critica e de acima de tudo, finalmente abrires mais uma das tuas habilidades a todas as pessoas que estejam interessadas em conhecer um pouco mais de ti…

    Boa sorte
    Ricardo Pinto

  2. Tu és…
    Aguém muito especial que conheci.
    Acredita em ti, pois só assim poderás ter confiança para seguir viagem com determinação e entusiasmo.
    Gostei muito de te conhecer.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s